Notícias

27/02/2019 - Notícias
Hospital Santa Rosália recebe R$1,5 milhão em recursos provenientes de emendas parlamentares
27 de Fevereiro de 2019
por Gabrielle Batista

 

Nesta quarta-feira pela manhã, o Hospital Santa Rosália representado pelo Provedor, Diretor Executivo, Membros da Associação e Gerentes, esteve presente no gabinete do prefeito para assinar o Contrato de Repasse de verbas no valor de R$1,5 milhão. O Deputado Federal Fábio Ramalho conseguiu ainda no final do seu mandato anterior aprovação do recurso, destinando-o ao HSR, maior hospital da macrorregião nordeste de Minas que enfrenta grave crise financeira. Com o trabalho intenso na captação de recursos e busca de apoio, o Provedor Dr. Ilter Volmer Martins reconhece os esforços do deputado em transmitir os desafios e necessidades da instituição aos governos Estadual e Federal e agradece ao parlamentar pela sensibilidade de sempre querer ajudar.

Leonardo Seixas, Diretor Executivo do hospital, enfatiza que a destinação de verbas parlamentares são importantes para o alcance do equilíbrio financeiro e manutenção dos serviços prestados pela instituição. “Estamos em fase de reexame dos processos internos e diagnóstico institucional, analisando oportunidades e ameaças para trabalharmos com eficácia, economicidade, economia e assim atingir nossos objetivos. Temos atraso no recebimento de verbas da Rede Resposta em aproximadamente R$300 mil, além de outras pendências e recursos financeiros serão indispensáveis para colocarmos em prática o planejamento estratégico.” Complementando a fala do Diretor Executivo, a Secretária Municipal de Saúde Maflávia Ferreira concorda que diante da falta de confirmação e atrasos nos repasses de verbas, é um desafio muito grande administrar um hospital do porte do Santa Rosália e esclarece que o município está disponível para atingirem juntos o aprimoramento da saúde nessa região.

No ato da assinatura do contrato, o prefeito Daniel Sucupira deixa a seguinte mensagem: “Meu compromisso é não permitir que o dinheiro do Santa Rosália esquente no caixa da prefeitura. Vou adotar essa conduta até o fim do meu mandato. Precisamos unir forças e estou aqui para ajudar. Tenho certeza que o recurso será utilizado da melhor maneira possível e que no novo trabalho de celebração de contratos os serviços serão prestados efetivamente.”

Na ocasião também estavam presentes o vereador João Paulo Nascimento, representando a Câmara Municipal; Lúcia Maria, representando Márcia Ottoni da Superintendência Regional de Saúde; João Paulo Campos, responsável pelo jurídico do Santa Rosália; Cesário Antônio, vice provedor e Geraldo Costa, 1º Secretário da Provedoria.